Tireoide dói?

27 de agosto de 2020

Essa é uma pergunta que pode parecer estranha para alguns, porém muitos pacientes procuram o endocrinologista por algum quadro de dor ou mesmo desconforto na parte da frente do pescoço, muitas vezes atribuída à glândula tireoide. Isso é fato ou há muita confusão nos diagnósticos de dores nessa região.

É verdade que a tireoide pode apresentar quadros dolorosos em algumas situações clínicas próprias, mas nem de longe ela é responsável pela maior parte dos quadros de dores na região anterior do pescoço.

Vários outros órgãos e estruturas podem causar um número maior de casos de dores e desconforto do pescoço do que a tireoide. Dentre as causas mais comuns de dores e desconforto nessa região destacamos o refluxo gastroesofágico, espasmos e divertículos do esôfago, dores musculares, inflamação da traqueia e de gânglios linfáticos, arritmias cardíacas e dores irradiadas do coração, transtornos de ansiedade, entre outros.

Entretanto, em uma minoria dos casos, a tireoide pode ser sim a responsável por quadros de dor, como nos casos de tireoidites subagudas de origem viral, tireoidites bacterianas e cistos hemorrágicos de crescimento rápido. Geralmente o quadro é de uma dor na parte anterior do pescoço, porém mais abaixo, em sua metade inferior, muitas vezes de forte intensidade e que gera muita sensibilidade no local mesmo ao leve toque. Pode vir acompanhada de outros sintomas como febre e simular um quadro de hipertireoidismo, provocando sudorese excessiva, palpitações, tremores, insônia, agitação, entre outros.

Já os bócios, que são casos em que a tireoide apresenta um aumento significativo de seu tamanho, normalmente não provocam dor, mas podem causar sintomas como sensação de peso e sufocamento no pescoço, dificuldade para engolir, falta de ar, rouquidão etc.

Para finalizar, importante destacar que o câncer de tireoide muito raramente provoca qualquer um dos sintomas acima em seus estágios iniciais.

Outros Artigos

Gostou do nosso material ?

Continue acompanhando nossos lançamentos semanais, recebendo avisos diretamente no seu e-mail,
assine nossa newsletter e siga nossas redes sociais para ficar ligado!