O que você come altera o seu humor

9 de outubro de 2020

Comer, sem dúvida, está entre os maiores prazeres da vida. Não só pelo sabor dos alimentos, mas porque o ato de comer geralmente está associado a bons momentos, como um encontro com amigos, um almoço em família ou simplesmente aquela pausa no trabalho para um lanche ou café.
Para aliviarmos a tensão do dia-a-dia é comum irmos atrás de alimentos apetitosos, carregados de açúcares, gorduras e sódio, também chamados de hiperpalatáveis, na busca por aqueles minutos de felicidade que só uma coxinha ou um bolo de chocolate poderia nos dar.

Mas você sabia que o consumo frequente desse tipo de comida pode com o tempo piorar o seu humor ao invés de melhorar?

Alimentos ultra processados, ricos em açúcares e farinhas refinadas e gorduras saturadas aumentam a formação de radicais livres, o estresse oxidativo e a inflamação sobre os neurônios, o que acaba por alterar de forma negativa a função dessas células. De maneira simplista, é como dar gasolina batizada como combustível para nosso cérebro, o desempenho irá piorar.

Além disso, esses alimentos podem diminuir a população de bactérias “do bem” da flora intestinal pelos mesmos mecanismos acima citados. Tais microrganismos auxiliam na produção do neurotransmissor serotonina, que é responsável por regular o sono, o apetite e nos deixarmos de bom humor.

Estudos que compararam populações que consumiam dieta mediterrânea, rica em legumes, azeite, oleaginosas, grãos e peixes, dieta japonesa tradicional com aqueles que adotaram uma dieta ocidental baseada em alimentos ultra processados mostraram uma incidência de transtornos depressivos e de ansiedade de 25% a 35% maior nesses últimos.

Quem já experimentou trocar esse tipo de dieta por uma mais saudável sabe do que estou falando. Em pouco tempo somos tomados por uma sensação de leveza e prazer duradouros, muito melhor do que aquela satisfação fugaz de comer qualquer guloseima que, com o tempo, cobrará um alto preço sobre nossa saúde física e mental. Como tudo na vida, moderação é essencial.

Outros Artigos

Gostou do nosso material ?

Continue acompanhando nossos lançamentos semanais, recebendo avisos diretamente no seu e-mail,
assine nossa newsletter e siga nossas redes sociais para ficar ligado!